Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Há Lobo no Cais

Não há "carne"… e eu não sou vegetariano!

z-mulher-solteira.jpg

 A vida está difícil para todo o homem hetero de barba na cara. Existem miúdas mas mulheres continuam em falta. Situação que só piora pelo facto da teoria que diz que existem sete mulheres para cada homem não passar de um mito. Mas não é só isto, está tudo contra quem possa querer algo a sério. Querem ver?

Mas vamos então começar a descontar do lado feminino. Para começar temos as mulheres que são lésbicas. As que são do tipo camionista, sapatonas, mas ainda bem, que assim não chateiam. No entanto existe um número considerável que são verdadeiros crimes de lesa pátria gostarem do mesmo que nós. Voltem, estão perdoadas e serão bem recebidas.
Depois temos as que seguem caminhos religiosos e seus votos de castidade. Sei que também acontece de aparecerem grávidas, e ao contrário do que dizem, não é só por obra do espírito santo. Mas a maioria de nós é pouco dado a religião, e sendo um mercado que não se domina e de difícil acesso, estas ficam no domínio das batinas pretas.
Não esqueci aquelas que “são mais bolos”. Sobre essas não há muito a dizer, ninguém lhes pega, literalmente. E por muito que se diga que os homens são tarados, o “prazer” quando ela sai de cima, não é um real prazer se não fores um masoquista.
Não podemos esquecer aquelas que sendo aviões, divertidas e inteligentes não estão no mercado. Nem mais, estão casadas ou a caminho disso. Porém abater o sortudo seria uma deselegância dentro da classe masculina. Claro que dentro das três características apresentadas, nas que só têm duas delas a situação não é muito diferente, que como já disse, a vida está difícil para todos e uma dessas é já um achado dos grandes.
Depois há as piores de todas, as que têm qualidades, que até consegues lá chegar, mas para as quais o relacionamento não entra no plano de vida. Têm a carreira, as viagens, as amigas e só querem os homens mesmo para diversão, adrenalina e a seguir a cama é só delas.
Claro que não passam despercebidas a quantidade de mulheres estúpidas, chatas, burras e sem sal que é preciso descontar, fazendo com que sobre muito pouco que preste para alegria e esperança dos barbas. Acabando por terem de ser virar para as loiras, não burras mas geladas em cima do balcão de um qualquer bar.
Por fim temos a questão/problema dos próprios homens, são mais “homens”. Falo dos mulherengos, traidores, burros e machistas que dão má fama à classe, em que, uns mais que outros, conseguem andar camuflados no meio de nós e assustam as capuchinhos vermelho desta vida.


Nota – Também se morde outras coisas no facebook, curiosos?

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.