Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Há Lobo no Cais

Gosto e não gosto…

 adoro aquele.png

 Todos gostamos e não gostamos das mais diversas coisas, é tudo uma questão de ponto de vista, qual lance para penalti, diferente se é na nossa área ou na deles.

Gosto do calor (que finalmente parece estar a chegar), de usar calção e t-shirt e esticar-me na esplanada. Não gosto do calor que me faz ter as mãos suadas e não me deixa andar de mão dada com a miúda.

Gosto das manhãs, para ficar na cama a dormir ou acordado na mesma com companhia. pequenos prazeres da vida que teria mais vezes, se não tivesse de labutar. Não gosto das manhãs se for para acordar cedo, não acordo “eu”, acordo um robô que executa as tarefas por obrigação e repetição.

Não gosto de crianças, ou melhor dizendo, dos pais das crianças que criam filhos birrentos, barulhentos, sem educação que não sabem ser crianças. Gosto de ser criança, alegre, que aproveita o momento e vive a vida a 100%.

Não gosto de chegar atrasado. Por algum motivo gosto tanto de relógios. Chegar atrasado é mais do que falta de educação, é falta de consideração para com as outras pessoas. Mas eu até aceito bem que se atrasem com as outras pessoas, comigo é que não. Gosto de chegar adiantado ao trabalho e ficar a fazer as contas dos minutos que poderei dormir mais no dia seguinte e dos riscos que terei com o trânsito e semáforos para não chegar atrasado.

Gosto de cozinhar. Na realidade eu gosto mesmo é de inventar uns petiscos na cozinha. Ir a o frigorífico ver o que existe e sem receita ir fazendo algo até ter aspecto de jantar. Pelo menos até hoje tem corrido bem. Não gosto de cozinhar, só para mim. Não é por não ter companhia, não é por não ter aprovação, é mesmo por não ter quem lave a loiça no fim.

Não gosto de bebidas quentes. As bebidas boas são as frescas, é a cerveja gelada com os amigos na esplanada. É aquela água fresca depois do treino de bike na marginal que te esvaziou o depósito. Nunca consegui beber chá, água quente que me cai mal e mesmo o leite pela manhã, com chocolate, tem de ser apenas morno para desfrutar do sabor sem correr o risco de queimar a língua. Gosto de mulheres quentes. Mas disso, quem não gosto? Quem prefere uma fria? Já dizia o Marco Paulo, “uma lady na mesa, uma louca na cama…”

 

 Nota – Também se morde outras coisas no facebook, curiosos?