Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Há Lobo no Cais

Enquanto o pau vai e volta, folga o Costa

enquanto-o-pau-vai-e-vem-folgam-as-costas.png

 “Enquanto o pau vai e volta, folgam as costas”. Este ditado popular encaixa que nem uma luva nos professores deste nosso Portugal, não fossem os ditos a classe mais masoquista que conheço.

Ora vejamos, entre uma paulada e outra (o que são, por exemplo, 9 anos uns meses e uns trocos de tempo de serviço) lá andam os professores todos contentes a dar folga ao sr. ministro garantindo boas estatísticas e justificações de que está tudo bem, que nada é preciso para a escola melhorar, é só ronha dos mandriões dos professores.

O menino tem 6 negativas (e positivas de água benta), devido a não estudar e não estar atento. Coitadinho, tem muitas capacidades, vamos passar que para o ano ele atina.

A menina tem 5 negativas (e positivas de água benta), falta mais que o resto da turma junta. Coitadinha, tem muitos problemas, vamos passar que para o ano com apoio vai lá.

O Menino tem 4 negativas (e positivas de água benta), 5 participações e uma suspensão. Coitadinho, é hiperativo, vamos passar que para o ano já a ajuda da psicóloga tudo isto se resolve. Continuem a acreditar no pai natal . Professor que diga que nunca viu disto é um grande ceguinho ou amigo do ministro.
O importante é que ninguém reprove,

continue-se a meter a mão na cabeça dos meninos,

continue-se a nivelar por baixo,

continue-se a não responsabilizar os alunos (e seus encarregados de educação), continue-se a trabalhar sem as condições mínimas,

continue-se a tirar da vida pessoal para dar ao sr. ministro, continue-se a dar tiros nos pés.

Continue-se a esquecer o que disse Mandela, A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo”, os políticos agradecem pela criação de um rebanho que não pensa e se deixa enganar facilmente.


Nota – Também se morde outras coisas no facebook, curiosos?